sábado, 5 de março de 2011

Ah o amor...


"Ah o amor... que nasce não sei onde, vem não sei como e dói não sei porque..."


Carlos Drummond de Andrade

2 comentários:

...Gotas... disse...

o amor, não dói...o que dói é a falta dele;)
bjs

Ci_zinha disse...

Esse danadinho do amor é um bichinho atrevido mesmo. Ele chega sorrateiro que só e quando damos conta já tomou conta. Bjkas florzinha e uma semana abençoada pra vc